Portugal no seu melhor!

Estes últimos tempos, tenho feito uma ginástica física e mental para manter o orçamento dentro do razoável e manter o nível de vida mas, por mais que me esforce, a conta corrente minga e minga e minga de mês para mês. Desta feita, o preço da água vai subir, assim como o combustível, apesar da América ter baixado o preço do barril por falta de escoamento do produto.
A acrescentar o estado de espírito do povo trabalhador, o governo ainda retira algumas das benesses da função pública, (não vão os contratados ter direito a indemnização por despedimento como se trabalhassem no privado) e a taxa de desemprego sobe historicamente para os 15%, explicado pelas medidas tomadas pela Troika.
Vá, para diminuir o desgaste psicológico do povo trabalhador, o Governo consegue amealhar algum dinheirito e para diminuir o desgaste psicológico dos portistas, o SCP vence ao Benfica.

Temos pena!!!

Anúncios

Quando acabarão estas mordomias?

 

Mesmo que as pessoas ou altas individualidades do país mantenhas alguns privilégios, as infracções devem ser punidas, no meu ponto de vista.  

POIS É, O GOVERNO SUGERIU QUE QUEM NÃO ESTIVESSE BEM QUE EMIGRASSE, NÃO FOI?

 
A D.Laura para a vizinha:

– O meu marido aqui não ganhava um corno. Emigrou…ganhou logo dois!

 

Crime de falsas declarações com pena até 2 anos de prisão

http://www.dn.pt/inicio/tv/interior.aspx?content_id=2371741&seccao=Media

 

E esta, hein?

Conhecer a crise…

… neste site: http://www.conheceracrise.com/

Retrato de um País desequilibrado

Your comments (optional)

BLASFÉMIAS

Notas prévias: a) Nos dados apresentados, o somatório dos dados regionais é inferior ao total nacional – entre um mínimo de 2,4 (2006) e um máximo de 3,1 (2008) mil milhões de saldo comercial – por desconhecimento da região de origem / destino de algumas mercadorias (vd. site do ICEP, “Estatísticas – Comércio Internacional”); b) Às exportações e importações de cada Região, deduzi os valores da Secção V da Nomenclatura Combinada (Produtos Minerais), em que a “parte de leão” é relativa a combustíveis. Porque estes são consumidos por todo o País, independentemente da Região que os importa ou refina, mas fundamentalmente porque, a partir de 2007, as respectivas transacções internacionais passaram a ser integralmente registadas na Região de Lisboa, o que lhe empolava artificialmente as exportações, as importações e o défice. Isto penalizará porém a Região do Alentejo (nas restantes as discrepâncias são marginais), que fica assim amputada das exportações…

View original post mais 247 palavras

New Job… just in Portugal

A nova ideia do ministro Álvaro Santos Pereira… com o número a aumentar exponencialmente, a “profissão” de desempregado torna-se a mais promissora do momento, com necessidade de gestores de carreira.
Potugal no seu melhor, portanto.